Preparação do novo ano letivo 2020-21 | Entrevista com o Dr. Bertolino Campaniço

1 – Na ótica dos serviços, e tendo em conta a situação pandémica atual, gostaríamos de saber como correu a preparação do novo ano letivo e de que forma foram os serviços readaptados às novas necessidades.

R: A preparação do ano letivo 2020-21 é um processo contínuo e dinâmico, e que ainda está a decorrer. Esta dinâmica resulta, em grande parte, da atual situação pandémica, que originou novos desafios para os quais tivemos de encontrar soluções rápidas e eficazes. Dou como exemplo as matrículas dos alunos que ingressaram na Licenciatura em Direito através do Concurso Nacional de Acesso (CNA).

Este ano os novos alunos tiveram que realizar a sua inscrição sem se deslocarem à Faculdade. Os ambientes online tiveram que ser desenhados por forma a receber estes alunos.

Foi fundamental preparar os meio virtuais, assim como os diversos atores, para acolhermos as suas dúvidas e incertezas.  Aqui gostaria de destacar o papel que a Associação Académica teve na receção destes alunos. Cientes da importância que a palavra de um colega de curso pode ter no processo de integração de um aluno na nova escola, foram disponibilizados 7 balcões virtuais geridos pela Associação Académica, via Plataforma ZOOM, aos quais os novos alunos podiam recorrer. Para além da Associação Académica, também o Departamento de Informática e a Divisão Académica disponibilizaram balcões virtuais de atendimento para estes alunos.

As primeiras duas fases do CNA já decorreram e foram inscritos 570 novos alunos.

2 – Quais as maiores dificuldades sentidas e como as ultrapassaram?

A atual situação de pandemia originou mudanças significativas na forma como comunicamos entre nós. O que anteriormente era tratado presencialmente, foi substituído pela utilização de meios tecnológicos, donde se destaca a utilização do serviço de email, que registou um aumento significativo por parte da comunidade académica. Os alunos viram neste meio de comunicação uma forma mais fácil de entrar em contacto com a Divisão Académica. Em consequência, o envio de emails aumentou substancialmente e temos tido dificuldades em gerir este fluxo.

Destaca-se também a gestão dos horários. Este tem sido um processo que tem ocupado grande parte dos nossos esforços. A razão prende-se principalmente com a necessidade de adequar as salas ao n.º de alunos inscritos, por forma a que seja possível garantir o distanciamento de segurança. Este processo tem sido realizado desde a divulgação dos horários até ao presente dia. O ingresso dos alunos do CNA, que este ano ocorreu mais tarde, tem obrigado a uma permanente monitorização do n.º de alunos por sala.

3 – Como correu a época de exames e quais as consequências a retirar?

A época de exames do segundo semestre sofreu uma alteração substancial. Os exames não se realizaram presencialmente. Em alternativa, utilizou-se a Plataforma de E-Learning Moodle, onde os Docentes disponibilizaram os respetivos enunciados aos quais os alunos acediam e realizaram os exames na data e hora prevista. A correção dos exames foi também realizada no Moodle e as notas lançadas na Plataforma Académica Fénix.

Esta operação obrigou ao desenvolvimento de um conjunto de parametrizações no Moodle, por forma a que os Docentes e Alunos pudessem aceder eficientemente aos exames. Aqui destaca-se o papel que o Departamento de Informática teve na preparação do Moodle que, em conjunto com a informação cedida pela Divisão Académica (e.g. listagens de Docentes e Alunos por disciplina/turma), tornou possível a preparação do Moodle para albergar um novo processo que até aí se realizava exclusivamente em sala de aula.

Paralelamente, a Divisão Académica teve também que desenvolver novas estratégias de gestão desta informação, em especial no que concerne à disponibilização das cópias dos exames, pedidas pelos alunos em sede de revisão de notas.   Foram 8255 cópias de exames realizadas em todo o ano letivo 2019-20, sendo que 4712 foram efetuadas no segundo semestre.

Em resultado da utilização do Moodle para a realização de exames escritos, as potencialidades desta Plataforma ficaram mais evidentes para a comunidade académica da Faculdade.

4 – Como correram as inscrições, nos três ciclos de estudos?

Este ano letivo recebemos cerca de 1400 novos alunos no total dos 3 ciclos de estudo. As inscrições destes alunos, excetuando os alunos da Licenciatura provenientes do CNA, foram realizadas nos moldes anteriores, i.e. online.

A apreciação global é positiva. As dificuldades foram as mesmas que ocorreram em anos anteriores, todavia as inscrições dos alunos da Licenciatura provenientes do CNA foi em tudo diferente, conforme foi detalhado na resposta à primeira questão.

5 – Houve medidas com resultados positivos que poderão ser implementados futuramente?

Dentro das várias medidas que foram implementadas, em resultado da situação pandémica atual, destaca-se a utilização de ambientes virtuais destinados ao atendimento aos Alunos e Docentes, em substituição do tradicional atendimento presencial. De facto, a utilização de aplicações de software de videoconferência, como é o caso da Plataforma ZOOM, veio tornar evidente que alguns processos que anteriormente só eram realizados presencialmente, podem ser efetuados com recurso a estas plataformas, com ganhos evidentes para todos os intervenientes, em especial no que respeita a deslocações presenciais e custos associados.

Para concluir, gostaria de realçar o empenho que toda a equipa da Divisão Académica tem demonstrado ao longo dos últimos meses. Num ambiente adverso e incerto como o que vivemos atualmente, o compromisso e dedicação evidenciados têm sido determinantes para a continuação da atividade académica da Faculdade.

X