Mestrado Conjunto em European Legal Practice

A experiência europeia no ensino pós-graduado de qualidade

O Mestrado Conjunto em European Leagal Practice (ELPIS II) visa a interligação do aprofundamento de, pelo menos, duas línguas a nível científico com a capacidade de trabalhar em diferentes sistemas jurídicos, com o objetivo de criar peritos legais internacionais.

Este mestrado foi criado no âmbito do programa Erasmus Mundus, pelas Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa (Portugal), Leibniz Universität Hannover (Alemanha), University of Rouen (França) e Mykolas Romeris University in Vilnius (Lituânia). Este mestrado resulta de um modelo tradicional de cooperação, chamado ELPIS, que envolve 35 Faculdades de Direito, em quase todos os Estados-Membros da União Europeia (UE) e países da Associação Europeia de Comércio Livre (EFTA), que data de 1985. Estas quatro Universidades compõem o consórcio que atribui o grau de mestre.

O programa do mestrado tem uma duração de 2 anos, compreendendo a frequência de disciplinas obrigatórias e facultativas, em pelo menos duas Universidades, devendo ser obtido um total de 120 ECTS. Para além das Universidades do Consórcio, os estudantes podem optar por fazer um semestre numa das instituições de ensino superior parceiras: Universidade Católica de Brasília (Brasil), Ho Chi Mihn City Faculty of Law (Vietnam), Faculdade Damas de Instrução Cristã (Brasil) e Symbiosis International University in Pune (Índia). O semestre realiza-se nos meses de verão (de agosto a outubro), sendo que todas as disciplinas são lecionadas em inglês. Para frequentar o semestre numa destas universidades, os alunos deverão estar matriculados no Mestrado e deverão ter o pagamento das propinas atualizado. O semestre realizado numa das Universidades Parceiras representa até 15 ECTS. As Universidade Parceiras preparam programas específicos para os estudantes da UE.




ACESSO


PLANO DE ESTUDOS


PROPINAS E TAXAS


FOLHETO INFORMATIVO


FAQS